Translate

domingo, 15 de abril de 2018

Saco com Girassóis


A última costura que fiz foi um saco para mim.

Já tinha ideia de fazer este saco. Para ir trabalhar, costumo levar um saco onde levo a minha "tralha": almoço, livro, o outras coisas.

O saco que tinha já estava muito velho e decidi renovar e fazer um novo.


O tecido escolhido foi uma sarja azul escura. Queria um tecido forte que suportasse o peso que o saco teria.

Decidi bordar um desenho na parte da frente do saco. Escolhi um desenho que encontrei na net de girassóis, a minha flor preferida. E queria também que fosse discreto.

Transferi o desenho para papel vegetal. Depois centrei o desenho no pano da frente. 

E comecei a bordar por cima do papel vegetal.


 Depois de terminar o bordado, com muito cuidado fui tirando pouco a pouco o papel vegetal, de modo a que no tecido ficasse apenas o bordado.



 E assim ficou o bordado dos girassóis.



Depois foi coser as partes laterais e o forro.


Para o forro, escolhi um tecido de algodão em tons de azul às riscas.


No interior do saco fiz um bolso interno e cosi fita velcro preta para fechar o saco.



É um saco muito útil para mim e eu adoro-o.

Ficou tal qual o imaginei!


domingo, 1 de abril de 2018

Projecto de Páscoa 2018


Este ano, o meu projecto da Páscoa foram umas cenourinhas para guardar amêndoas e enviar para a escola do meu filho mais novo.

O tutorial está no blog Make it & Love it.

As instruções são muito fáceis de seguir. Para as minhas cenouras, reduzi um pouco as medidas, pois não tinha necessidade de fazê-las muito grandes.


Foi divertido ir à loja dos tecidos e escolher tecidos estampados ou lisos laranja e verdes.


No final fiz cerca de 28 cenourinhas e enchi-as com 6 amêndoas cada bolsinha.






Feliz Páscoa!

(O coelho foi comprado no Ikea a pedido do pequenino. Achei que faria uma boa fotografia com as cenourinhas)


domingo, 4 de março de 2018

Calças Burda Style 04/2013-132

 Aqui estão as minhas calças feitas por mim!




 O molde escolhido está na revista Burda Style de Abril de 2013, na secção Plus, modelo 132.





É um modelo de calça bastante simples de fazer. Tem um  fecho lateral e bolsos frontais. Eum,as pregas na parte de trás.



 Foi bastante fácil de executar. Escolhi o tamanho 48, pois era o mais adequado à medida da minha anca.

Posteriormente, faria os ajustes necessários para se adequar ao meu corpo.
 

Logo no inicio tive de retirar cerca 10 cm na altura de perna. Tive o cuidado de deixar tecido suficiente para fazer a dobra na baínha.


Nas pernas tive apertar de modo a que ficassem mais justas.


Gosto muito como ficou na lateral a colocação do fecho e do botão.



Aqui está detalhe das dobras. Esta técnica é bastante prática para quem não quer fazer baínhas nas calças.

Primeiro chuleio a orla do tecido e depois fiz uma pequena dobra para fora de 2 cm e pressiono com o ferro.

Logo de seguida faço outra dobra para fora com 6 cm, e volto a pressionar com o ferro.




Fiz uma pequena costura para prender a dobra junto  das costuras laterais das calças.

Adorei o resultado final e com este pequeno teste que fiz a este molde, creio que vou fazer mais calças para mim.


domingo, 18 de fevereiro de 2018

Super Though Jeans

No passado mês tive o privilégio de ser uma das testadoras deste molde fantástico da Suco By Susana, as Super Though Jeans.



Um molde de calças de ganga para rapazes dos 3 aos 14 anos.

O molde está disponível apenas na revista digital Australiana One Thimble.

A Susana foi uma das colaboradoras do fascículo 18 e apresentou o molde das Super Though Jeans.

Quando fui contactada pela Susana para testar o molde, fiquei super contente. Senti-me uma privilegiada. Os moldes da Susana são fantásticos e as instruções são tão claras e detalhadas que praticamente não há margem para erros.

Este molde tem a versão calças e calções. No Verão talvez tente os calções.

 Testei o molde no meu filho mais velho e ele adorou.

Apesar dele estar a poucos meses de fazer os 13 anos, fiz as calças para a medida de 9 anos. Apenas tive de aumentar a altura em cerca de 5 cm.


As calças vêm com tudo a quem direito umas verdadeiras jeans: bolsos dianteiros, bolso para moedas, braguilha, bolsos traseiros e pespontos. 

Os pespontos foram feitos com linha amarela normal com dois fios. Com a linha de pespontos, a agulha estava sempre a bloquear, pois a linha é mais grossa que o normal.


Na parte do joelho há um reforço muito giro e útil para rapazes que gostam de se mexer e andar à vontade.



O molde dá-nos 5 versões de bolsos traseiros.



 

A cintura é feita com elástico de cintura regulada, sendo fácil a adaptação das calças a cinturas mais estreitas, como é a do meu filho.


Ele adorou as calças e eu também. Com este molde, sinto que o céu é o limite. Qualquer coisa é possível.

Deu-me confiança para experimentar fazer calças para mim.




Se quiserem adquirir o molde visitem a One Thimble onde podem comprar a edição 18 aqui, ou só o molde das Super Though Jeans em separado aqui.

Não se esqueçam de ver a conversão da moeda, pois a revista é vendida em dólares australianos.


sábado, 10 de fevereiro de 2018

Carnaval 2018

 Este ano, a escolha do pequenino para a máscara de Carnaval foi.....

um Dragão!

A uma semana da festa de Carnaval, a escola informou que o tema da festa era livre.

Tinha uma semana para desencantar uma máscara de Dragão.


 Fui à Feira dos Tecidos, e por € 8,90 comprei 2 retalhos: um azul e outro vermelho.

Depois de alguma pesquisa na net, decidi por fazer apenas a parte de cima. Para a parte de baixo, ele iria usar umas calças de fato de treino azuis escuras.

Assim, usei o molde da camisola da revista Ottobre com o qual já lhe tinha feito duas camisolas.
A parte de trás, em vez de cortar na dobra do tecido, cortei na orla, para que pudesse mais tarde, coser os triangulos vermelhos a imitar os picos do dragão.



22 triângulos ao longo da máscara!



Para a barriga, cortei um pedaço de tecido vermelho em forma oval e cosi em cima da parte frontal da camisola.

Deixei uma pequena abertura e fui enchendo com enchimento de almofada, mas ligeiramente.

Depois fechei a abertura e pespontei um ponto zig-zag. De seguida, fiz pespontos ao longo da barriga.



As asas confesso que era o que mais temia. Felizmente encontrei um molde e tutorial fabuloso no blog alemão Tinaht.

Coser direito com direito, deixar uma pequena abertura. Virar e encher com enchimento de almofada. marcar os pespontos e coser sobre as marcações.


Após a camisola estar terminada, cosi as asas nas costas.



Nas costuras interiores do braços, fiz outra espécie de asas. Usei um tutorial que encontrei no blog  Bren Did.



A cauda também foi fácil. Cortei um rectângulo com cerca de 40 cm de altura. Tinha que ter altura desde a cintura mas a evitar tocar no chão.

Na orla do tecido, cortei ligeiramente na diagonal. Cosi colocando os triangulos vermelhos.

Para coser à camisola, cosi entre o cós e a camisola para ficar bem preso e reforcei a costura.


Para finalizar, com feltro azul escuro fiz esta máscara.

O molde está no blog "Taking care of monkey business".


A máscara foi feita a tempo da festa da escola e o pequenino adorou-a!

E ao final do dia disse-me "mamã, foi tão divertido a festa!"